menu
18 de Julho de 2024
facebook instagram whatsapp
lupa
menu
18 de Julho de 2024
facebook instagram whatsapp
lupa
fechar

ARTIGOS Sexta-feira, 28 de Junho de 2024, 15:23 - A | A

Sexta-feira, 28 de Junho de 2024, 15h:23 - A | A

POR MÁRIO QUIRINO

A Importância da leitura para o estímulo mental e criativo

Mário Quirino

 

*Por Mário Quirino

 

A leitura desempenha um papel crucial na formação do pensamento crítico e no estímulo a criatividade. No Brasil, segundo a 5ª edição do estudo “Retratos da Leitura no Brasil”, aproximadamente 52% dos brasileiros têm o hábito de ler.

A leitura é essencial não apenas para o desenvolvimento pessoal, mas também para o sucesso profissional, especialmente no mundo dos negócios. Para um empreendedor, a leitura sobre temas como administração, direito, economia, marketing e relações humanas é crucial. Porém, muitos empreendedores, após concluírem a faculdade, deixam de buscar novos conhecimentos, o que pode limitar o crescimento e inovação.

Os motivos para a diminuição do hábito de leitura no Brasil são variados. Outra razão significativa é a concorrência com outros tipos de mídia, como televisão, internet, WhatsApp, música e filmes, atividades que consomem o tempo livre dos brasileiros.

Enquanto o brasileiro lê, em média, quatro livros por ano, o canadense lê 12. Em comparação, os Estados Unidos apresentam uma média de 12 livros por ano por leitor, e muitos países europeus, como França e Alemanha, têm médias semelhantes ou superiores.

Na Europa, países como França, Alemanha e países nórdicos possuem tradições literárias profundas e políticas públicas que incentivam a leitura. Bibliotecas públicas são amplamente acessíveis e bem financiadas, e campanhas nacionais de leitura são comuns. Estes países também investem significativamente na educação, criando um ambiente que valoriza e promove a leitura desde cedo.

No Brasil, os formatos digitais, como e-books e audiolivros, oferecem alternativas viáveis para superar algumas das barreiras à leitura. Com a possibilidade de ler um livro no celular, é possível aproveitar momentos como o trajeto de casa ao trabalho para se dedicar à leitura.

Em um mercado competitivo, a capacidade de se adaptar e inovar é um diferencial importante. A leitura contínua fornece aos empreendedores as ferramentas necessárias para compreender e antecipar as mudanças no ambiente de negócios. Como destacou o autor Alberto Manguel: “Nós somos o que nós lemos e se lemos pouco, pouco somos.” Para os empreendedores, isso significa que o sucesso está ligado à contínua busca por conhecimento.

 

*Mário Quirino é especialista em desenvolvimento humano e Diretor Executivo do BNI Brasil em Mato Grosso.

 

Comente esta notícia