Prefeitura do Rio de Janeiro contrai empréstimo para reformar escolas

Prefeitura do Rio de Janeiro contrai empréstimo para reformar escolas

- em Brasil
Comentários desativados em Prefeitura do Rio de Janeiro contrai empréstimo para reformar escolas
Brasília - O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, fala à imprensa, após encontro com o presidente Michel Temer, no Palácio do Planalto (Valter Campanto/Agência Brasil)

Os recursos financiarão obras em 150 escolas, disse o prefeito Marcello CrivellaValter Campanato/Agência Brasil

A prefeitura do Rio de Janeiro assinou. nesta sexta-feira (15), um empréstimo no valor de R$ 200 milhões com Caixa Econômica Federal. O anúncio foi feito pelo prefeito Marcello Crivella no Palácio do Planalto. O recurso será destinado à reforma de escolas públicas do município.

“Esses recursos irão todos para a rede publica de educação. O Rio tem mais de 1,5 mil escolas, e elas estão precisando de reformas. Anteriormente fizemos novas escolas, mas deixamos para trás muita manutenção a ser feita. Agora queremos recuperar essas escolas”, disse o prefeito após encontro com o presidente Michel Temer no Palácio do Planalto.

Segundo o prefeito, cerca de 150 colégios precisam de obras emergenciais e devem ser reformados em pontos como parte elétrica e hidráulica, telhados e outras instalações. Ainda de acordo com Crivella, o contrato com a Caixa Econômica Federal prevê carência de dois anos e prazo de 10 anos para pagamento.

Empréstimo para pagar servidores

Mais cedo, o governo havia confirmado um acordo com o estado do Rio de Janeiro. O acordo autoriza o estado a contrair empréstimo de R$ 2,9 bilhões para pagar as dívidas com o funcionalismo público.

O dinheiro deve cair na conta do estado em até três dias úteis. A primeira parte do repasse, de R$ 2 bilhões, será integralmente usada para o pagamento do salário atrasado dos servidores no máximo até a próxima semana.

*Colaborou Kariane Costa, da Rádio Nacional

Fonte: Agência Brasil

Facebook Comments

Veja também

INSS convoca 178 mil segurados para perícia

O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) divulgou